30 de julho de 2013

Avenida Cores por Todo Lugar


Avenida Cores por Todo Lugar é livremente inspirado nos livros Alguma coisa se encaixa? e Dez casas e um poste que Pedro fez, ambos de Hermes Bernardi Jr.
A valorização da amizade e a importância da convivência respeitando as diferenças são temas geralmente discutidos pelo público adulto. No entanto, de uma maneira original, este espetáculo voltado para crianças é povoado por habitantes que enfrentam estas situações.
Entre eles estão Boni, o jardineiro, Floriano com suas engenhocas e invenções, Minuano, o viajante e e Poca que com seus desenhos, cria estranhos construtores que mudam toda a rua de lugar. 
Como num jogo de quebra-cabeças de múltiplas possibilidades de encaixes, Avenida Cores por Todo Lugar propõe brincar de construir, desconstruir e reconstruir, montando uma arquitetura própria desenhada por seus personagens.
O espetáculo propõe um sonho, uma poesia em forma de teatro, onde o mais importante são os acontecimentos, as mudanças com suas adaptações e a maneira como nos relacionamos com aqueles que amamos. Por sermos todos diferentes, somos tão iguais e a Avenida Cores é uma criação feita de ideias, diferenças e experiências. 
Avenida Cores por Todo Lugar não tem uma história. Têm várias. Tantas quantas a imaginação de cada um pode permitir. É uma celebração à amizade, à alegria e à delicadeza. É um convite a deixar de lado a compreensão da realidade prática e estar disposto a sonhar.
Ficha Técnica
Direção: Cícero Neves e Patrícia Ragazzon
Direção de Atores: Patrícia Sacchet
Elenco: Cícero Neves, Mariana Rosa e Patrícia Ragazzon
Cenografia e Figurinos: Cícero Neves, Patrícia Ragazzon e Patrícia Preiss
Iluminação: Cícero Neves/Orientação: Luiz Acosta
Trilha sonora: Mauro Bruzza
Maquiagem: Patrícia Sacchet
Texto criado por Cícero Neves e Patrícia Ragazzon, com pitadas de Mariana Rosa, livremente inspirado, expirado e pirado nas poesias dos livros “Alguma coisa se encaixa?” e “Dez casas e um poste que Pedro fez” de Hermes Bernardi Jr.
Prêmio Tibicuera de Teatro Infantil 2011
O espetáculo foi indicado a três categorias do Troféu Tibicuera: Melhor Cenografia e Melhor Ator para Cícero Neves. Foi premiado na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante para Patrícia Ragazzon. 

Trajetória do espetáculo:

O espetáculo já realizou mais de 80 apresentações e mais de 20 mil espectadores já o assistiram.
- 19° Porto Alegre Em Cena
- Festival Palco Giratório SESC – Mostra Ato Espelhado, 2013
- Circuito SESC Teatro a Mil 2012/2013
- Aldeia SESC Ijuí, 2012 
- 4ª Mostra de Teatro Infantil da Prefeitura de Porto Alegre, 2012
- Todos ao Teatro em Novo Hamburgo – Produção Um Cultural, 2013
- 58ª Feira do Livro de Porto Alegre
- Projeto Casa das Artes Villa Mimosa em Canoas
- Temporadas na Sala Carlos Carvalho e Teatro Bruno Kiefer 2011-2013






Nenhum comentário: